Cooperação acadêmica entre a Unisa e a Universidade Federal do Paraná (UFPR) resulta em disciplina

A disciplina “Narrativas da cultura midiática: questões teórico-metodológicas”será ministrada, conjuntamente, por dois programas de pós-gradução – o Mestrado Interdisciplinar em Ciências Humanas, da Universidade Santo Amaro (Unisa), e o Programa de Pós-graduação em Comunicação, o PPGCOM, da UFPR. Fruto de uma parceria interinstitucional, que, no ano passado, levou à criação o grupo de pesquisa “Obitel” (integrante da Rede Obitel Brasil), a disciplina terá o comando dos professores Lourdes Ana Pereira Silva (Unisa), Valquiria Michela John (UFPR) e Anderson Lopes da Silva (membro do grupo “Obitel”).

Para dar início às atividades do semestre letivo, foi realizada uma Aula Magna, em 08/03/2021, às 19h, com participação do Professor Joseph Straubhaar, da Escola de Jornalismo da Universidade do Texas, em Austin, nos Estados Unidos. O docente tem como principais temas de pesquisa: televisão com transmissão global, inclusão digital nos Estados Unidos e na América Latina e mídia social global e desinformação. A Aula foi transmitida pelo Facebook.

Ontem, ocorreu a segunda aula, ministrada pelo Prof. Anderson Lopes, que abordou um pouco da obra de Gérard Genette, crítico literário e teórico da literatura, conhecido por sua abordagem estruturalista do discurso narrativo. 

Alunos de ambas as universidades deram declarações acerca da disciplina. Para Kátia Silva Simões, mestranda do Programa Interdisciplinar em Ciências Humanas, da Unisa, “a disciplina proposta através da parceria entre UFPR e UNISA nos proporciona a vivência prática de espaços de troca e construção de conhecimento. A escuta de pesquisadores de formações e propostas de trabalho diversas nos aponta a potência existente no encontro mobilizado em função de um interesse comum, afirmando a relevância de acolhermos a diversidade de olhares sobre um mesmo objeto”. Para a aluna, cuja pesquisa versa sobre o uso de drogas e medidas socioeducativas aplicadas a adolescentes pobres no estado de São Paulo, a participação será fundamental para qualificar sua pesquisa, que tem caráter interdisciplinar, sobretudo em relação às metodologias e abordagens técnicas de análise de narrativas, pois seu objetivo é estudar o papel da mídia na construção de representações sobre grupos historicamente marginalizados e seus impactos na sensação de segurança da sociedade e no sistema de justiça penal.

Já Felipe Costa, doutorando da UFPR, considera que a disciplina será dinâmica, contando com a participação de estudiosos que são considerados autoridades latino-americanas sobre a temática “narrativas audiovisuais”.

Reprodução: aula inicial da disciplina em 01/03/2021

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s