Chamadas | Século XXI: Revista de Ciências Sociais, Vol. 9, nº1, 2019.

A Século XXI – Revista de Ciências Sociais é uma publicação semestral do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais do Centro de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Federal de Santa Maria – UFSM.

Sua missão consiste na divulgação da produção científica da área de pós-graduação em ciências sociais com abragência nacional e internacional.

Sua política editorial contempla a divulgação de trabalhos inéditos do âmbito das ciências sociais – sociologia, antropologia e cência política – na forma de artigos, resenhas e comunicações de pesquisa com relevância científica e social.

Seu público alvo é constituído por docentes e pesquisadores vinculados às instituições de pesquisa e pós-graduação da área de ciências sociais. Seus artigos são inéditos e podem ser publicados em português, espanhol, inglês e francês

Dossiê “Cultura e Diferenças.”

Organizadores: 

Fernando de Figueiredo Balieiro  – Universidade Federal de Santa Maria (UFSM);
Patricia de Santana Pinho – University of California, Santa Cruz (UCSC);
Priscila Martins Medeiros – Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).

O objetivo do Dossiê Cultura e Diferenças é reunir artigos que versem sobre a temática proposta a partir de olhares diversos das Ciências Sociais. Serão bem-vindos artigos que tragam resultados de pesquisas empíricas desenvolvidas, bem como reflexões de ordem teórica e metodológica a respeito de abordagens clássicas e contemporâneas sobre a questão das diferenças e das normas sociais e/ou padrões culturais socialmente hegemônicos. Serão o foco privilegiado de reflexão do dossiê as análises sociológicas e antropológicas sobre a produção artística, cultural, intelectual brasileira e estrangeira com olhares atentos às experiências dissidentes e subalternas, bem como a observação dos processos que tangenciem a problemática das identidades e das diferenças regionais, nacionais e transnacionais. Atentos às contribuições críticas mais recentes às perspectivas canônicas da pesquisa social, o dossiê perpassará temáticas de gênero, sexualidade e relações étnico-raciais, bem como abordagens que enfoquem suas intersecções.   Para tanto, o dossiê incentiva abordagens epistemológicas alternativas, como os estudos feministas, queer,  pós-coloniais e decoloniais, que tensionam o paradigma da modernidade/universalidade – presente em várias das bases teóricas das Ciências Sociais – ao trazerem para o centro da análise sujeitos e contextos sociais esquecidos, interpelados, exotizados ou limitados à condição de meros objetos da ciência.

O prazo final para submissão de artigos se esgota em 31 de janeiro de 2019.

A submissão de artigos deve ser realizada no próprio sítio da Século XXI através da seguinte URL:

https://periodicos.ufsm.br/seculoxxi/about/submissions#onlineSubmissions

Ao iniciar o 1º passo da submissão do artigo na caixa “Comentários para o Editor” o autor deverá indicar que o artigo está sendo submetido tendo em vista sua avaliação para o Dossiê “Cultura e Diferenças.”

O dossiê deverá compor o Vol. 9, nº1 da Século XXI, cuja publicação está prevista para junho de 2019.

Instruções para os Colaboradores:

1. Os artigos devem ser acompanhados de resumo contendo entre 150 e 200 palavras, em português, inglês e francês, devendo conter de forma clara uma síntese de propósitos, dos métodos empregados e das principais conclusões do trabalho, além de cinco palavras-chave em português, inglês e francês, bem como informações sobre o autor (tais como, titulação acadêmica, filiação institucional, cargo que ocupa, número de registro ORCID iD, endereço eletrônico). Os artigos podem ser submetidos em português, espanhol, inglês ou francês.

2. Os artigos deverão conter um mínimo de 7.000 palavras e um máximo de 15.000 palavras, incluindo referências bibliográficas e notas de rodapé.

3. O título do artigo deve ter, no máximo, 90 caracteres com espaços.

4. Os textos deverão ser escritos em fonte Times New Roman, corpo 12, justificado, espaço 1,5, folha A4 (21,0×29,7 cm). Com margem na primeira linha do parágrafo e espaçamento de 6 pontos entre cada parágrafo.

5. As menções a autores, no âmbito do texto, devem seguir a seguinte forma: (Autor, data) ou (Autor, data, página), sempre em caixa baixa, como nos exemplos: (Weber, 1992) ou (Weber, 1992, p.122). Se houver mais de um título do mesmo autor publicado no mesmo ano, eles devem ser diferenciados por uma letra após a data: (Adorno, 1975a), (Adorno, 1975b), etc. As referências a mais de um título na mesma menção, devem ser separadas por ponto e virgula, como no exemplo: (Holanda, 1995; Souza, 2000).

6. As notas, se necessárias, serão numeradas consecutivamente dentro do texto e colocadas ao pé da página, devendo ser de natureza substantiva, restringindo-se a comentários adicionais ao texto.

7. Desenhos, gráficos, mapas, tabelas, quadros e fotografias, devem conter título e fonte, e estar numerados. Deverão, ainda, estar em condições tais que permitam a reprodução e impressão fidedignas e de qualidade, e devem ser encaminhados em arquivo separado do texto, com indicações claras, ao longo do texto, do local da inserção das imagens.

8. A Revista não assume responsabilidade por conceitos emitidos pelos autores. O envio espontâneo de qualquer colaboração implica automaticamente a cessão integral dos direitos autorais à Século XXI – Revista de Ciências Sociais.

9. As referências deverão ser incluídas ao final do trabalho, em ordem alfabética e dentro das normas da ABNT – NBR 10520, observando-se os seguintes critérios:

a) LIVROS:

FLORESTAN, Fernandes. A revolução burguesa no Brasil: ensaio de interpretação sociológica. Rio de Janeiro: Zahar, 1975.

BAUER, M; AARTS, B. A Construção do Corpus: Um Princípio Para a Coleta de Dados Qualitativos. In: BAUER, Martin W.; GASKELL, George.Pesquisa Qualitativa com Texto, Imagem e Som – Um Manual Prático. Petrópolis: Editora Vozes, 2002. (pp. 37 – 63).

BONELLI, Maria da Glória et alli. Profissões jurídicas identidades e imagem pública. São Carlos: EDUFSCAR, 2006.

b) PERIÓDICOS:

NUNES, Everardo Duarte. Merton e a sociologia médica. História, Ciência e Saúde: Manguinhos. Rio de Janeiro: Ed. Fiocruz, 2007, pp. 159-172.

ORTIZ, Renato. As ciências sociais e o inglês. Rev. Bras. Ci. Soc. Vol. 19, nº54, pp.5-22, 2004.

c) DISSERTAÇÕES E TESES:

FERREIRA, Kátia M. M. Estatuto da Criança e do Adolescente na Justiça da Infância e Juventude de Porto Alegre: análise sociológica dos processos de destituição do pátrio poder. 2000. Dissertação (Mestrado em Sociologia) – Programa de Pós-Graduação em Sociologia, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 153 p.

d) INFORMAÇÃO OU TEXTO OBTIDO NA INTERNET:

Revista Ciência Hoje. In: http://www.comciencia.br/reportagens/celulas/02.shtml, acesso em 07 de novembro de 2008.

Para maiores informações acesse o site aqui!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s